Meu Blog

A Tecnologia em favor do Reino

Nos dias de hoje podemos fazer muito mais coisas graças a tecnologia. Isso é indiscutível, e no que diz respeito a propagação da informação, nem se fala. A tecnologia nos permite hoje entregar uma mensagem instantaneamente para alguém que está do outro lado do mundo e (dependendo de certas configurações) saber em segundos se a pessoa leu a nossa mensagem. No tempo dos apóstolos não era assim tão fácil, mas as dificuldades não os impediram. Então com todas as facilidades que temos, nos dias de hoje, é mais do que uma obrigação fazer usos delas em prol do Reino, mas, é claro, sendo zeloso no uso dessa ferramenta, pois uma vez na rede, a informação fica disponível para todo o mundo. Sendo assim, como cristãos, devemos tomar alguns cuidados antes de usarmos a palavra de Deus no conteúdo de nossas postagens, de forma a não denegrir seu uso e nem dar motivo para que torne em uma “chacota” a Palavra de Deus.

A melhor forma de divulgar a Palavra de Deus usando a internet, são as redes sociais. A globalização, no que diz respeito a informação, realmente encurtou as distâncias deixando o mundo “pequenininho” no sentido de que hoje podemos falar para o mundo todo com certa facilidade. Então as redes sociais são uma excelente ferramenta para divulgação. Porém, precisamos ter muita atenção no que escrevemos, pois como representantes de Deus devemos refletir a imagem Dele. Hoje, infelizmente vemos o nome de Deus usado em um monte de besteiras nas redes socias. Um exemplo claro está no meio político, é vergonhoso ver como o nome de Deus está sendo usado. Tem gente que corrompe o uso da Palavra, para se aproveitar da comunidade cristã em benefício próprio. Muitos “líderes espirituais” tem sido exemplo disso, induzindo “seus fiéis” ao erro.

Dito isso, vamos a algumas formas de contribuir com a divulgação da Palavra.

Páginas Cristãs nas Sociais – Postagem de conteúdo cristão (verificado é claro), evite doutrinas específicas e interpretações particulares, divulgue a Palavra, deixe que Deus fale com o leitor.

Blogs – Ter um blog cristão, é uma ótima ideia para oferecer um conteúdo relevante ao leitor, que pode ajudar ele a tirar dúvidas e assim percorrer seu caminho de aprendizado. Continuo recomendando que deixe de fora doutrinas e interpretações particulares. Estas só causam confusão nas cabeça de alguém que acabou de conhecer a vida cristã. A vasta gama de interpretações pessoais tem servido somente para tornar os cristãos um motivo de deboche.     

Perfis pessoais em Redes Sociais – Esse é o mais comum, são raras as pessoas (pelo menos as que conheço) que não têm um perfil em uma rede social como Facebook, Instagram, Twitter, Whatsapp ou tantas outras que existem hoje. Estas são as mais comuns e podemos alcançar nossos “amigos sociais” com a Palavra de Deus. No entanto o mais importante aqui é que as suas postagens pessoais (aquelas do dia a dia) reflitam uma identidade cristã. Não adianta postar um monte de versículos da Bíblia no seu perfil e em outras postagens não demostrar em nada o Amor que vem de Deus. O trato que o cristão usa com as outras pessoas, deve refletir seu caráter cristão. Isso é primordial!

Você pode descobrir ainda muitas outras maneiras de ajudar na propagação da Palavra, mas como um instrumento nas mãos mão de Deus, você deve ser um reflexo do Altíssimo, de outra forma você será apenas mais um a causar confusão. Se lembre sempre que você não é o advogado de Deus. Não precisa entrar em grandes embates em defesa do Senhor. Acredite, Ele pode se defender. E a gente ajuda muito se não atrapalhar. Não misture as coisas. Quando falar de Deus fale somente Dele, fale com alegria de estar na presença Dele, fale do grande amor pelo qual você foi tomado quando conheceu a Deus. A Graça de Deus deve bastar, e basta!

Não use o nome de Deus para defender suas causas sociais. Hoje é muito comum os políticos ficarem usando o nome do Senhor para defender seus próprios desejos, não é nenhuma novidade o ser humano fazer isso, mas hoje realmente está demais no meio político. O acompanhamento da política é imprescindível para o cidadão brasileiro que deve estar sempre atento, ao rumo que os políticos eleitos dão a País. Mas é importante separar as duas coisas, É obvio que não deixamos de ser cristãos quando entramos num embate sobre política, mas nem por isso o nome de Deus deve fazer parte do embate e nem ser usado como ferramenta de validação das suas palavras. Como opinião pessoal, acho que política e religião ficam muito melhor separadas, inclusive não votaria em ninguém com cargo religioso, principalmente aqueles com nome político associado ao cargo (deputado pastor, Evangelista sei lá quem e por ai vai).

Por fim, exale a essência de Deus em suas postagens, o que passar disso pode ser reflexo de pensamentos mundanos e não de um caráter cristão. 

A Tecnologia em favor do Reino

Nos dias de hoje podemos fazer muito mais coisas graças a tecnologia. Isso é indiscutível, e no que diz respeito a propagação da informação, nem...